Estamos no Facebook
Titulo Blog

É possível que os 5s já estiveram presentes no seu local de trabalho. Desde que a metodologia chegou ao Brasil, as empresas têm se beneficiado dos ensinamentos japoneses que dividem a cultura da disciplina em 5 palavras: seiri, seiton, seiso, seiketsu e shitsuke. Nos escritórios de contabilidade, a realidade não é diferente já que também existe a necessidade de organização em um contexto repleto de informação e oportunidades a todo o momento. 

Os 5s continuam extremamente úteis ao contexto organizacional, pois contribuem para o crescimento do ser humano como pessoa, cidadão e profissional. São melhorias simples, mas que estimulam o fluxo de ideias e de resolutividade, além de beneficiar a criatividade e a inovação dentro da cultura do escritório de contabilidade. 

Em um período de crescente desenvolvimento da tecnologia e do imediatismo dentro das empresas, a cultura oriental pode surgir como um termômetro. 

Se você precisa rever os seus conceitos de organização, continue a leitura e reflita sobre como os 5s estão sendo aplicados no seu escritório de contabilidade. 

Seiri: senso de utilização

Este S se refere a utilização de recursos. Os materiais desnecessários devem ser dispensados, como no caso daqueles itens que não contribuem com a produtividade da empresa. Neste momento, a pergunta a ser feita para a tomada de decisão é se “nós precisamos disso”. Se o indivíduo não conseguir responder, é recomendável que outra pessoa o faça posteriormente. 

Seiton: senso de organização

Assim como os nutrientes são distribuídos pelo corpo humano, uma empresa também necessita de organização dos seus “nutrientes”. Conforme o processo de produção de cada departamento, os itens devem estar organizados todos no seu devido lugar. Aqui a recomendação é deixar ao alcance das mãos o que é mais usado no dia a dia. Ou seja, prioriza-se classificação e organização.

Seiso: senso de limpeza

Refletir sobre a importância da limpeza é fundamental para o cumprimento desta etapa, principalmente no momento em que ela for implantada na empresa. Quem suja os espaços que utiliza precisa rever o seu comportamento para se encaixar no novo padrão de limpeza estabelecido. Este senso chama a atenção para a limpeza do ambiente de trabalho. E isso significa limpar o que está sujo e deixar ainda mais limpo o que já estiver limpo. 

Seiketsu: senso de padronização

Após o cumprimento das etapas anteriores, novos padrões de comportamento são adotados. É comum a criação de regras para manter o que já foi conquistado, embora a proposta dos 5s considere um mundo utópico onde tudo acontece dentro da naturalidade e não sendo necessárias as leis. Perfeição a parte, nesta etapa é importante garantir a padronização das novas tarefas estabelecidas até aqui.

Shitsuke: senso de disciplina

Este senso prioriza a implantação de métodos pedagógicos para ensinar os novos funcionários e reciclar os anteriores. A proposta é manter a disciplina para que os 5s sejam aplicados diariamente, não como um dever, mas uma filosofia de vida e de trabalho.

Os benefícios da implantação dos 5s são vários. Entre eles, uma maior segurança, melhoria do ambiente de trabalho, maior facilidade para resolutividade, redução do desperdício e aumento de confiança da equipe. 

É por isso que é sempre bom rever conceitos ou conhecê-los, se este for o seu caso, para colocar em prática ações que beneficiem a rotina do seu escritório de contabilidade. Se o ambiente de trabalho é bom, a equipe sente-se mais confiante e engajada com a conquista dos resultados.

Agregue mais valor ao seu escritório contábil e conheça soluções que podem potencializar o seu negócio, clicando aqui.
 

Nome do Autor Consisanet

Especialista em Sistemas Contábeis. 25 anos de experiência, comprometimento e solidez.

Comentários (0)

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Escreva o seu nome completo:

Informe um email válido.

Mínimo 5 caracteres

Digite aqui o seu comentário

Aguarde, enviando o formulário..